Ocorreu um erro neste gadget

Advertência!

O conteúdo deste blog pode, literalmente, projetar você para algum lugar no tempo-espaço...

Translate

08 abril 2009

Durma, medo meu

Posted on 4/08/2009 09:37:00 AM by Théo, desarmado por um sorriso..


Para aquela que não entendeu o mundo antes de partir, não entendeu ser mãe, sem saber amizade viveu, morrendo, não se sabia filha. A dor brincou em frente à sua casa e então resolver visitá-la, entrou, mas nunca mais saiu, mudou-se de vez para lá, agora dorme lado a lado com a saudade que ela nos deixou de herança. Vou arrumar uma cama bonita, quiçá um berço, para que essa dor durma menos leve do que nós. É que toda dor acorda quando fingimos dormir.

No Response to "Durma, medo meu"

Leave A Reply

Comente como queira...