Ocorreu um erro neste gadget

Advertência!

O conteúdo deste blog pode, literalmente, projetar você para algum lugar no tempo-espaço...

Translate

22 junho 2004

Segurança no Trabalho


Foto da Semana

Loading°°°by Charges

Por Que Postamos?

°°°A tela, a origem, o tubo, a imagem... brilho em pixels baixando "Gigantic" do Pixies, e lendo e escrevendo em seu web log, seu post, seu hobbie suas impressões gigantescas, a concepção cabalesca do dia, de prazer e de sangria, de crises com temas coletivos, de afeto, desafetos... e sorrisos, histórias ou estórias. Às vezes só, às vezes coments (memórias), às vezes silêncio, paz notória... se mostrar por dentro e por fora, o pensamento aflora, a flor da pele espelhando sinais, "Raciocinais" em segmentos, em movimento, em nostalgia aleatória.Cadeia de idéias, retórica muda, de forma gentil ou sisuda, toscos pingos em "is" digitais, ideais e programados, soluços cadenciados, nosso espaço nos transporta, esqueçamos a causa, o sentido é o que importa.°°° (Adiratus)

*Andei vasculhando uma boa gama de Blogs principalmente no endereço do Blogger Brasil, que está hospedado no site da Globo(espécie de Big Blogger Brasil)e notei a incrível necessidade que o ser humano tem de se expressar, falar de sua vida, dos seus dias... as pessoas adoram falar e a Informática junto à Internet abriu uma galáxia inteira de opções para o pacato cidadão comum, enveredar-se pelos caminhos da Literatura, das Artes, Fotografia, Crônicas e etc. Nunca se viu antes tantos talentos desapercebidos, caseiros e notáveis como vemos hoje pelos Blogs. Distribuidos em Sites´por todo mundo colhemos frutos de pessoas que nunca vimos em nossas vidas, Sentimentos iguais aos nossos, humor, tristeza, felicidade...escrevendo para o desconhecido, para outro alguém icógnito ou para alguém em especial. Me encanta ver nessa amplitude de "artistas" a capacidade de encantar.

21 junho 2004

Skydiving





Atlanta Skydiving Center

*Que sensação fenomenal deve sentir essa galera ae, descendo do céu em alta velocidade, tão alta que parece que se está parado no ar... saltando do "Dropzone" e só o para-quedas pra segurar.Vejam as fotos no site, garanto que v6 irão se emplogar!

10 junho 2004

Arquivo Rock


^Pedro & Theo Posted by Hello


^Theo (box rara do Queen Posted by Hello


^Pedro babando (toda a discografia do Iron Posted by Hello


^Ton Loureiro (grande irmão) Posted by Hello

*Fotos direto do estúdio de Ton, eu e Theo futucando os cd´s do Iron Maiden nessa maravilha de sala! quem olha assim parece que agente tá em uma loja rsrssr quadros, livros, biografias, Lp´s, Cd´s, Dvd´s, tudo que se possa imaginar sobre Rock e bom som. É confortante quando vc encontra alguém que curte uma boa banda, uma boa música... alguém que fale sobre seus gostos: O Vocal de tal grupo, determinada música, álbum, estilo... é impressionante a identificação com outa pessoa que tb curte, é algo imediato. >>Retiro o que disse sobre as fotos do post anterior, agora nosso blog junto com a ferramenta "Hello" está habilitado a postar imagens diretamente dos nossos Pc´s :p é só clicar na foto e ela será ampliada além de poder ser salva. Abraços à família Loureiro!!

09 junho 2004

Além dos OutDoors



Loading...by The Doors  Posted by Hello


>>a foto era do site da Sparkazul, era maior mas ele saiu do ar, fazer o que...menos um bom site bem completo.

Made the scene
Week to week
Day to day
Hour to hour
The gate is straight
Deep and wide
Break on through to the other side
Break on through to the other side

Fiz a cena
semana a semana
Dia a dia
hora a hora
O portão é reto
Profundo e largo
Rompa para o outro lado
Rompa para o outro lado

*Esta foto caracteriza muito bem a essência do nosso Blog, que foge um pouco do termo original "web Log" porque não o consideramos um diário mas sim: um espaço virtual de teór abstrato. Queria coloca-lá no início da pág junto ao nome do blog mas meus conhecimentos de blogueiro, flash e dreamwever são extremamente limitados e toscos rsrsrs...mas um dia chegaremos lá, estamos procurando um espaço de FTP para poder postar fotos diretamente dos nossos pc´s pois todas essas imagens são vinculadas da net :\ se o site de origem falhar a foto aqui não aparece, mi casa su casa... taí um trecho da música: BREAK ON THROUGH (TO THE OTHER SIDE)autoria de (Densmore/Krieger/Manzarek/Morrison). O nome The Doors (As Portas) foi tirado de um livro de Aldous Huxley, chamado The Doors of Perception : Heaven and Hell, que por sua vez foi inspirado num trecho de um poema de William Blake: "quando as portas da percepção forem purificadas o homem verá as coisas como realmente são, infinitas". O Título do nosso blog,(Além dos Outdoors)foi tirado de uma música dos Engenheiros do Hawaii que provém do álbum "A REVOLTA DOS DÂNDIS" 1987, existe uma certa relação entre estas informações e a intenção do blog. " Rompa para o outro lado,para além dos outdoors, além daquilo que você vê, enxergue o que está por trás, atravesse as portas, as portas da percepção". Hoje é aniversário de minha irmã, parabéns Fau! felicidades e tudo de bom!!! ela adora o The Doors.

08 junho 2004

Perdão


 Posted by Hello


 Posted by Hello


 Posted by Hello


 Posted by Hello

Loading... by Ver Para Creer

Hoje eu tive uma reflexão... a maior de todas, pensei em algo que não visualizava sob uma outra ótica: Relacionamentos, à respeito de qualquer nível de relacionamento, amoroso, familiar, amizade...percebi que sempre nos sentimos ofendidos, traídos e rejeitados quando algo acontece conosco. Nunca nos lembramos do mal que causamos aos demais, sempre restritos ao nosso espelho, sempre olhando para o próprio umbigo, sempre "eu" "eu" "eu" ninguém se lembra do mal que causou ao próximo. Quem é você? você é digno? atire a primeira pedra! Só se percebe o mal que fizemos até ele recair sobre nós mesmos... e todos nós fazemos o mal. Algo nos impede de lembrar, algo apaga nossa memória, apagamos nossos erros, pois nos é assim conveniente, esquecemos a rejeição, a agressão o desrespeito quando isso parte de nós mesmos, nós que somos todos iguais. Aquele vizinho "chato", aquela rejeição no amor que te causa dor... uma forte dor, aquele contato do MSN e do Mirc (Internet) que rejeitamos até a pessoa perceber nossa rejeição, aquele conhecido que só falamos quando temos vontade, que nos tem apreço e consideração e mesmo assim, o tratamos mal. Aquele colega de trabalho que tem aquele cargo "inferior" ao seu, que sorri com sinceridade buscando o seu afeto, aquele sujeito na praia de aparência "ridícula" que você aponta e ri, criticamos tudo: o modo de se vestir, de falar, de pensar, de andar, de agir... quem somos nós? modelos de quê? exemplos de que? o que pretendemos com isso? ridicularizamos a nós mesmos... procure no seu passado e ache explicação para o que você está sentindo agora, procure bem, ache exatamente algo que você fez a alguém antes e que alguém está fazendo agora com você. Não seja hipócrita, não se limite, não se esconda, não repita... envergonhe-se. Vivi 24 anos para poder entender o sentido do perdão, o sentido de “se alguém te bate à face, oferece-lhe a outra", o sentido de "amar o próximo como a ti mesmo", Cristo viveu 33 anos para nos perdoar, todos os nossos pecados, e não conseguimos se quer perdoar alguém que nos fez mal. Agora eu entendo... dinheiro, poder, beleza, elegância, simpatia, glamour são efemeridades, não significam nada, nada de importante... a dignidade não está nisso, a felicidade não está nisso. Retire esse espelho da frente, saiba perdoar e entender outras pessoas, no fundo somos todos iguais, meu perdão a todos que ofendi.

01 junho 2004

Tudo o que queremos viver

Tenho pensado muito em como as coisas parecem terem uma tendência quase que natural a falirem, talvez, penso eu, seja tão somente reflexo das minhas limitadas capacidades e das minhas imperfeições; Certo é que em tudo tenho tentado ser pleno, empenho-me sem reservas naquilo que empreendo, afinal, assim é a natureza das coisas, entregar-se ao que faz-se necessário, coisa semelhante ao faminto que por não ter outra escolha, mendiga miseravelmente o pão, desventura de vida o obriga a tanto. Todavia, há uma situação que talvez importe não haver tanta dedicação, e esta não é outra senão a de ter alguém, e alguém para a vida inteira.Talvez importe não ligar todas as noites para saber como foi o dia dela(e), talvez importe não dizer como você a(o) ama, nem o quanto ela te é importante.Talvez importe não ser sempre você quem pede desculpas primeiro, (às vezes, só você) e diz que os dois “devem esquecer mais essa briga infantil e que tudo o que quer é não perdê-la(o), pois a(o) ama muito” e, outra vez, diz não ter ela(e) noção de o quanto significa para você. Talvez importe que pense uma vez mais antes de, em se encontrando bebendo em meio aos amigos, não deixar que percebam teus olhos marejados como que dos filhos pequeninos ao sentirem falta dos beijos e dos doces afagos dos pais que acabaram de castigá-los tão somente por fazerem barulho ao brincarem, talvez também importe não sorrir tanto e não ser sempre tão simpático. E quem sabe talvez, já seja hora de você aprender a não olhar para trás quando essa pessoa tão importante, essa pessoa tão especial, sim, essa pela qual teu coração bate, arde e dói, essa que vistes e sonhastes um dia estaria ela ao teu lado já sendo velhos, mas com os mesmos sonhos de bilateralidade, e ela(e), ainda que enfadada pelo tempo, possui nos olhos o mesmo brilho cristalino, possui nas mãos, a mesma agitação em gesticular deveras ao falar, nos cabelos, o mesmo perfume dos primeiros dias, e finalmente, no sorriso, o mesmo dom (quase faculdade) de te fazer tranqüilo e notoriamente feliz, sim, talvez já seja realmente a hora de conseguir não olhar para trás já que ela(e) simplesmente não olha de volta ...

“Olha em direção a quem vai está esperando teu olhar”

Honestamente, é isso o que eu quero viver.