Ocorreu um erro neste gadget

Advertência!

O conteúdo deste blog pode, literalmente, projetar você para algum lugar no tempo-espaço...

Translate

04 dezembro 2007

Dias de pequeno

Posted on 12/04/2007 03:57:00 PM by Théo, desarmado por um sorriso..


No ano em que deixei de te ver tive vontade de me ver criança outra vez. Meu coração era amarrado por dois fios de gelo e o frio só demorava uma estação pra chegar, já na minha, não tinha trem que passasse, nem bilhetes à venda. Eu escureci minha pele num contrato com o sol que aceitou clarear meu cabelo contra minha vontade e resolveu não derreter mais nem os fios, nem o meu sorvete. Hoje, está tão longe de você perceber o ano em que deixei de te ver, prefiro um lugar onde possa sentar eu sem você, e o sol não derreta mais nem o meu, nem o teu picolé, vou me sentar ao meu lado e tentar recuperar os meus dias de pequeno, artesão dos próprios brinquedos, como quem esboça o futuro com as mãos, ensinando os dedos a me reensinarem a sorrir. Vou desenhar teus dias numa cartolina branca pra ver se teus passos aceitam colorir o papel, o teu papel, o meu papel. É que hoje rasguei o teu papel na minha vida... No ano em que deixei de te ver tive vontade de construir outra criança em mim, onde antes só existia eu e você.

No Response to "Dias de pequeno"

Leave A Reply

Comente como queira...